Técnicos do Consórcio União da Serra Geral e da Fundação Vale do Gorutuba, estiveram terça-feira (02/06), reunidos com moradores, líderes comunitários e representantes de órgãos do Poder Executivo, na Câmara Municipal de Monte Azul, com intuito de esclarecer como são feitas ações e iniciativas, nos projetos para a implantação do Projeto Cisternas de Placas.

O município de Monte Azul será beneficiado com a instalação de 590 unidades de reservatórios (cisternas) com capacidade de 16 mil litros. Segundo Horácio Cristo, Superintendente do Consórcio União da Serra Geral, “o Projeto Cisternas de Placas” tem como público alvo as famílias rurais de baixa renda localizadas no Semiárido brasileiro, região historicamente caracterizada por longos períodos de estiagem e pelas enormes dificuldades para acessar água em quantidade e qualidade suficiente. Trata-se de uma tecnologia simples e de baixo custo, na qual a água da chuva é captada do telhado por meio de calhas e armazenada em um reservatório de 16 mil litros, capaz de garantir água para atender uma família de cinco pessoas em um período de estiagem de aproximadamente oito meses”.

Para receberem o beneficio da construção da cisterna, o projeto ainda disponibiliza as famílias, um curso de Capacitação de Convivência com o semiárido, promovido por técnicos da Funvale (Fundação Vale do Gorutuba), a proposta da capacitação é propiciar um processo de formação e difusão de boas práticas para uma convivência sustentável com clima semiarido. O encontro contou com a participação de técnicos do Consórcio União da Serra Geral, da Fundação Vale do Gorutuba, representantes do Poder Executivo, do Poder Legislativo, Líderes Comunitários e Representantes da Comunidade.