Ao chegarem para trabalhar nesta segunda-feira, dia 29 de outubro, funcionários dos Consórcios União Geral e União da Serra Geral tiveram uma surpresa prá lá de desagradável. A sede da entidade foi invadida e ladrões furtaram equipamentos.

De acordo com o superintendente do Consórcio União da Serra Geral, Horácio Cristo Barbosa, os meliantes cortaram a cerca, pularam o muro e, após tentarem arrombar algumas janelas de madeira, sem sucesso, quebraram uma de vidro, justamente a que dava para sua sala.

De lá os bandidos levaram uma CPU contendo informações, projetos e uma diversidade de informações pertinentes ao Consórcio. Também subtraíram 23 balanças de precisão, que seriam utilizadas nas barracas das feiras livres, um dos projetos desenvolvidos pelo Consórcio. Sem contar a bagunça que deixaram ao revirar documentos e gavetas.

A Polícia Militar e a perícia da Polícia Civil estiveram no local para averiguações e a equipe do Consórcio pede a quem tiver notícias dos objetos furtados que avisem, ou o Consórcio ou a própria polícia, para que os mesmos sejam recuperados.